Mudando os hábitos

Só um desabafo…

As vezes eu me pego vendo minhas fotos antigas, de quando eu era magrinha. Hoje fui olhar foto do início do ano, achei que eu nem tinha pois tinha horror em tirar fotos sozinha, ainda tenho. 😂😂😂
Mas até que me surpreendi… Eu sabia que tava gorda, mas não fazia ideia do quanto. Afinal, as roupas ainda cabiam. Ainda to beeem acima do meu peso, falta muito ainda. Mas as vezes medimos se estamos engordando ou não pelas roupas. Mas sim, elas enganam. Visto 38 desde os 16 anos, engravidei e continuei vestindo a mesma coisa, e ainda visto. Então achei que tava de boa, não me incomodava, até…. tirar foto! Odeiooo! Quase 5 anos comendo porcarias. Ainda como, claro, não vou mentir. Mas não como antes.
Um dia alguém me falou que, com o passar dos anos, eu ia mudar meus hábitos. Na hora eu pensei: Acho muito difícil. Afinal, fui criada nadando no açúcar. Colocava açúcar até na água. É, até na água. Eu apanhava pra comer legumes, verduras e o danado do feijão. Continuo não gostando de nada disso kkkkk, mas hoje ainda como algumas coisas. Eu me entupia de doce. Com o passar dos anos, minha mãe mudou os hábitos dela e eu continuei na mesma. Quando me mudei, foi pra pior. Era fast food quase todo santo dia. E em casa ninguém colaborava.
A 4 meses atrás eu decidi parar e analisar o que realmente eu podia tirar sem sofrer e sem me fazer falta. E, por incrível que pareça, a primeira coisa foi o refrigerante, que pra muita gente é difícil, e eu também achei que seria. Hoje, eu detesto refrigerante. Ainda tomo H2Oh. Fora isso? Água!
Nescau! Amo Nescau, isso eu não queria abrir mão de jeito nenhum. A opção foi substituir por Nescau light e leite desnatado. E assim sigo a vida: ando 10 minutos por dia e faço pilates.  Aos poucos vou tirando as porcarias da minha vida. Já consegui o refri e o hambúrguer, afinal não como mais carne vermelha (só essa tá).
Já não gostava mesmo, comia só no hambúrguer. Então, falta não faz. Sei que vai ter gente falando que a carne tem isso ou aquilo. Que tem comer carne e blá blá blá. Como carne! Frango e peixe, a vermelha já não era do meu paladar, e já não comia a tempos. Só parei pra admitir agora. Sem sofrência, como o que tenho vontade, sem pressão, apenas com moderação.  To bem, to saudável e to feliz que é o mais importante.

 

Mudar os hábitos não é tão difícil quanto parece. Basta só realmente querer mudar. Não por obrigação; quando fazemos obrigados não dá certo, acabamos voltando para os velhos.

 

antesdepois
Antes e Depois

Não tenho foto de corpo inteiro  de 4 meses atrás, mas acredito que não tenha diferença de fevereiro.

Comenta aí!

Leave a Reply